Pesquisa aponta perfil do usuário de veículos blindados

As mulheres representam 29% dos usuários de veículos blindados, segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Blindagem (Abrablin). Trinta por cento delas têm entre 40 e 49 anos. Entre os homens (71% dos usuários), a maior concentração está entre os que têm de 25 a 29 anos (26%). Os dados gerais mostram que o maior número de usuários está na faixa de 25 a 29 anos (22,9%). Em seguida, está a faixa entre 30 e 39 anos (18,4%). A pesquisa também aponta que 63% dos usuários de veículos blindados são executivos ou empresários. A classe política é a segunda maior, com 12%, seguida pelos artistas (8%) e juízes (5%). Outras categorias somadas representam 12% das pessoas que buscam esse tipo de proteção. Outro dado indicativo do perfil do usuário é o ranking dos carros mais blindados. O Corolla (Toyota) continua sendo o primeiro da lista. É único considerado médio entre os mais blindados. Na seqüência, vem o Vectra (Chevrolet), a Hillux (Toyota), o Passat (Volkswagen) e o Fielder (Toyota). No primeiro semestre de 2006, houve um crescimento de 7% na produção de veículos blindados, segundo dados da Abrablin. Nos primeiros seis meses deste ano foram produzidos 1.939 carros blindados, contra 1.813 em igual período de 2005. O crescimento da produção é creditado ao aumento da violência. Maio, quando ocorreu a primeira onda de atentados do PCC, em São Paulo, foi o mês com a maior demanda. Veja abaixo a tabela com o perfil dos usuários.